A culpa é sempre sua!

Ricardo Souza estreia sua coluna no Balcão News. Confira!

A culpa é sempre sua!

Sim! Temos o hábito de procurar sempre um culpado por nossos problemas e por nossos fracassos. E quando somos vitoriosos, a soberba nos faz egoístas e atribuímos a nós mesmos a vitória. Nesses dois extremos, a soberba e a arrogância prevalecem. Somos arrogantes em não aceitarmos nossos erros e nossas incompetências quando algo de ruim acontece. E somos soberbos quando conquistamos algo. Vivemos em um país em permanente estado de crise econômica e social. Do alto dos meus mais de sessenta anos, não lembro de momentos longos de prosperidade no Brasil. Os negócios não têm tempo de absorver as mudanças, os pacotes, as regras tributárias e os planos econômicos. Já vivi incontáveis planos e pacotes. E passei por problemas sérios em vários deles. Minha vida sempre foi uma gangorra onde estou sentado de um lado e uma pessoa com o dobro de meu peso do outro. E essa pessoa pesada é a realidade brasileira. É duro e penoso brincar em uma gangorra assim. Mas, é extremamente importante usar a criatividade e buscar saídas nos becos onde aqueles que lamentam seus fracassos e os atribuem às crises, não conseguem encontrar.

Não é à toa que muitos executivos brasileiros foram contratados por grandes empresas multinacionais, pois sabiam como administrar em períodos de crise econômica, hiperinflação, falta de infraestrutura, relações com órgãos públicos e suas políticas de "criar dificuldade para vender facilidade". Mesmo quando concluímos que outras pessoas foram responsáveis por nosso fracasso, pense em quem as escolheu para participar de seu projeto. Ninguém faz nada sozinho. Mas, somos responsáveis por nossas erros e escolhas. Conheço pessoas que tiveram excelentes oportunidades e que sempre culpam o país por seus fracassos. Já caí nessa armadilha. Hoje vejo que, ao invés de ficarmos tentando justificar as coisas ruins que acontecem conosco, temos que focar nas soluções que nos façam tirar proveito das oportunidades que estão ocultas em cada crise. E só conseguiremos enxergar se usarmos a criatividade e pensarmos "fora da caixa" sem que o clima de depressão e de tristeza tome conta de nós. Temos que agir de forma positiva. Caiu? Não foi o país que te derrubou. Você que não foi criativo o suficiente para buscar novas visões e novas versões de você mesmo. Quando se alcança o sucesso, que não é algo que caiba de maneira igual a todos pois é algo extremamente subjetivo e individual, temos que olhar para trás pois iremos perceber que não fizemos tudo sozinhos. Tivemos sim, o talento em buscar instrumentos e pessoas que nos ajudaram a chegar ao nosso objetivo. Atribuir nosso sucesso somente a nossa competência é pura arrogância. E o inferno está cheio de gente assim.

As opiniões contidas nesta coluna não refletem necessariamente a opinião do portal Balcão News.

  • Mario Luiz Ferreira
    Mario Luiz Ferreira
    Ricardo, execelente texto!!!
    3 days atrás Responder  Curtir (1)
  • Francisco Serrano
    Francisco Serrano
    Excelente texto Ricardo. Uma reflexão importante e aprimorada por tudo que passamos em solo brasileiro. Existe um livro que recomendo, que corrobora com sua explanação: Prosperando no Caos - Tom Piters.
    9 days atrás Responder  Curtir (1)
  • Cesar Almeida
    Cesar Almeida
    É muito pertinente este texto pois vemos a toda hora as histórias dos vitoriosos que sempre se destacaram pela ousadia e criatividade. Há pouco tempo li a história do criador da rede KFC. Um mero dono de um restaurante de beira de estrada no Kentucky e que, ao desviarem a rota da estrada na beira da qual se localizava seu pequeno estabelecimento, ele simplesmente quebrou e resolveu se aposentar. Quando viu que sua aposentadoria não lhe garantiria condições de conforto material, ele arregaçou as mangas esaiu a procura de parcerias para um novo empreendimento, tendo levado muitos "nãos", mas nunca desistiu e de posse de seu único bem que era uma receita de frango frito que herdou da sua avó, deu início a sua rede mundial de fast food. Culpar o país e as circunstâncias é desculpa dos acomodados.
    10 days atrás Responder  Curtir (3)
  • Daisy Furtado
    Daisy Furtado
    Concordo! Vai com tudo,Ricardo! Show !
    10 days atrás Responder  Curtir (1)

Qual é a sua reação ao ler esse conteúdo?

like
9
dislike
0
love
5
funny
6
angry
0
sad
0
wow
2
Ricardo Souza é escritor, mentor de escritores, palestrante publicitário, editor do Selo Editorial Neblina Negra e da Lenari Editores Associados. Dirigiu agências de publicidade no Rio e em São Paulo, como diretor de criação e operacional. Professor convidado em cursos de graduação e pós-graduação. Foi colunista em vários jornais e country manager em empresa internacional de mídia impressa. Tem livros publicados e participa de várias antologias. Tem mais de 1.000 alunos formados em seus cursos e workshops de escrita criativa.