Escolha de substituto de Tiago Leifert no BBB gera tensão na Globo

A decisão fica cada dia mais difícil: executivos precisam aliar escolha segura com opções do público

Escolha de substituto de Tiago Leifert no BBB gera tensão na Globo
Divulgação

Nem a saída do Faustão da Globo deixou os executivos tão estressados. É que, naturalmente, Luciano Huck era o sucessor dele. Não foi uma escolha difícil. Pelo contrário. Mas a decisão de Tiago Leifert em não renovar com a Globo pegou a alta cúpula de surpresa – por mais que o apresentador tenha avisado sua intenção um ano antes. A corrida para achar um substituto para o BBB não é nada fácil. Principalmente porque Leifert estava no seu melhor momento no comando do reality.

Marcos Mion é o preferido do público, mas ele tem compromissos firmados com o Multishow a partir do ano que vem que incluem um programa sobre o BBB, um reality e a apresentação do Rock In Rio. Mexer nisso também traria problemas para a emissora. Há ainda uma corrente forte (em especial no desejo da audiência): a ex-BBB Ana Clara Lima. A questão aí é a inexperiência da jovem no comando de um dos programas de maior faturamento da Globo. O risco é grande.

Nos bastidores de toda essa negociação há também o desejo de continuar com um jornalista à frente do BBB. Assim como Pedro Bial e Tiago Leifert, que tiveram uma trajetória importante no jornalismo antes de migrarem para o entretenimento, Tadeu Schmidt é um nome cotado para a função. No Fantástico desde 2013, o jornalista contribuiu para a criação de diversos quadros, tem uma boa imagem com o público, além da experiência que seria necessária para desafio.

Faltando pouco mais de três meses para o início do programa mais comentado da TV, a Globo tem pressa para decidir o que fazer. Uma coisa é certa: não vai dar para agradar a todos. É preciso que a escolha seja boa para a casa, o público e o mercado publicitário. Tarefa difícil a beça.

O post Escolha de substituto de Tiago Leifert no BBB gera tensão na Globo apareceu em Metrópoles.