Estilo Wee Heavy – O melhor da experiência maltada da cerveja

Coluna Mais um Lúpulo - Flávio Vouguinha

Estilo Wee Heavy – O melhor da experiência maltada da cerveja

Sextou com S de “Scotch”, minhas Lupulados e Lupulados... Vocês devem estar pensando de onde surgiu Scotch numa coluna cervejeira, afinal, esse termo é sempre associado ao Scotch Whisky. Mas é isso mesmo. Existe um estilo de cerveja, de origem escocesa, chamado Wee Heavy, ou Strong Scotch Ale, onde os cervejeiros da região aprenderam a trabalhar muito bem com os cereais maltados e criaram uma experiência espetacular para nós.
Tradicionalmente, a Escócia não possui destaque no Universo Cervejeiro, apesar da minha queridinha Brewdog ser de lá (relembre clicando aqui). Em compensação, os Scotch Whisky e suas variações de Blend, são extremamente valorizados e reconhecidos no mundo dos destilados. Sabendo disso, dá para imaginar que uma cerveja de origem escocesa possui um perfil mais maltado, ou seja, uma cerveja onde vai destacar a experiência com os aromas e sabores de caramelo, tostado e toffee. Os lúpulos entram apenas com objetivo de equilibrar o dulçor da cerveja, trazendo um levíssimo amargor à bebida.

Apesar do estilo se chamar Wee Heavy, termo que significa “small strong” e que seria algo como “menos forte” em português, o que encontramos nesse tipo de cerveja é algo bem pesado e com extrema personalidade. A Wee Heavy é uma cerveja fortemente maltada, como já dizemos, e com bastante presença do sabor de caramelo. Em geral, ela é uma cerveja pouco amarga, possui carbonatação moderada e uma grande variação de cores, indo do âmbar claro até marrom escuro. Seu teor alcoólico fica entre 6.5 a 10%, trazendo certo destaque ao álcool. E como possui um certo dulçor do malte, ela acaba se tornado uma grande escolha para acompanhar sobremesas.

E para representar o estilo, nada melhor que escolher, aquela que talvez seja o melhor e mais premiado rotulo do estilo no Brasil, a Wee Heavy da Bodebrown. A cervejaria Bodebrown (@bodebrown) talvez seja, na minha humilde opinião, uma das cinco melhores cervejarias do Brasil. Localizada em Curitiba, a cervejaria foi fundada em 2009 pelo mestre cervejeiro Samuel Cavalcanti e rapidamente se tornou um destaque não apenas no Brasil, mas no cenário internacional, se tornando uma das mais premiadas da América do Sul. Atualmente chama atenção não apenas por seus rótulos, mas por ter introduzido a cultura das cervejas colaborativas com marcas internacionais como Stone Brewing (a espetacular Cacau IPA), Adnams, Caledonian, Doppio Malto e Hargreaves Hill.

Mas voltando a falar da Wee Heavy, a Bodebrown Wee Heavy é a primeira cerveja do nosso estilo de hoje registrada no Brasil (2010). Desde sua criação, ganhou diversos e importantes prêmios internacionais, como medalha de Ouro no Mondial de La Bière de Montreal no Canadá, em 2011 e 2013, medalha de ouro no Real Ale Festival na Inglaterra e medalha de Prata no Australian Beer Awards.

Essa cerveja é uma clássica Scotch Ale e foi inspirada na receita criada por monges beneditinos, em terras escocesas no século XVIII. Bastante encorpada, possui graduação alcoólica de 8%. Com dulçor residual de malte, possui notas tostadas, maltadas, turfadas, defumadas e carameladas! Sua aparência é de coloração âmbar e avermelhada. Achei ela no e-commerce Nono Bier por R$ 64,90, a garrafa de 750ml. Considero uma degustação obrigatória para quem curte apreciar cervejas diferentes! Um excelente final de semana e... Cheers!!!