Falha no ConecteSUS compromete também o programa “Mais Médicos”

Profissionais têm dificuldade de se inscreverem no edital de convocação, que expira neste final de ano

Falha no ConecteSUS compromete também o programa “Mais Médicos”
Reprodução Mais Médicos

Por Blog do Noblat

O ataque hacker no Conecte SUS, que completa 13 dias e tirou do ar esse sistema do Ministério da Saúde, começa a comprometer outros programas da pasta. Médicos recém-formados não estão conseguindo se cadastrar no edital de convocação do programa “Mais Médicos”.

Os profissionais estão tentando, sem sucesso, homologar as suas inscrições no 24º. ciclo do programa, mas o sistema do ministério não finaliza o processo.

O prazo para inscrição termina nessa semana e o prejuízo é enorme tanto para os médicos e os municípios contemplados com a estrutura do programa.

O programa Mais Médicos foi criado em 2013, no governo do PT,  e até hoje está ativo. O governo Bolsonaro prometeu extingui-lo e em seu lugar colocar o “Médicos pelo Brasil”, o que não ocorreu até hoje. O programa desse governo até chegou a ser lançado, completa dois anos nesse dezembro, mas nem saiu do papel.

Até hoje, o edital de contratação de médicos para o programa – esse 24 º. é o mesmíssimo texto do governo do PT.

Fonte: Metrópoles.