No Sul de Minas Zema visita unidade da Epamig

Governador esteve na vinícola experimental de Caldas, no Sul de Minas, onde 11 rótulos tiveram qualidade reconhecida internacionalmente

No Sul de Minas Zema visita unidade da Epamig
Pedro Gontijo/Imprensa MG

O governador Romeu Zema visitou ontem (15) a vinícola experimental da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), em Caldas, no Sul de Minas, e destacou a qualidade dos produtos e as potencialidades de Minas durante visita. Ao todo, 11 rótulos de vinhos produzidos em Minas Gerais e São Paulo foram premiados na competição internacional Decanter World Wine Awards, no final de setembro deste ano. Os vinhos são produzidos com técnica desenvolvida pela Epamig.

Zema aproveitou a ida à Caldas para almoçar com os agraciados em uma das fazendas produtoras e conhecer de perto o trabalho realizado. Os fabricantes utilizam o pacote tecnológico e a assistência da Epamig. "Temos visto Minas Gerais se aperfeiçoar muito na produção de vinho. Com certeza temos um grande futuro pela frente. Precisamos deste agronegócio pujante, que traga desenvolvimento. Temos cafés e queijos que são referências internacionais, e vejo que o vinho, e a cachaça, estão indo nesse mesmo sentido", disse o governador. No encontro também estiveram presentes a secretária de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ana Valentini; o secretário de Governo, Igor Eto; e o secretário-geral, Mateus Simões, além de lideranças municipais.

O Campo de Caldas é a única adega enológica experimental na região Sudeste do Brasil. São cerca de 500 hectares de vinhedos registrados com a técnica da dupla poda. Há estimativa de aumentar mais 100 hectares em 2021, além das áreas com produção tradicional voltadas para as uvas para espumantes.

Pedro Gontijo/Imprensa MG