Pelo Brasileiro e pela América, seguimos na luta!

Pelo Brasileiro e pela América, seguimos na luta!
Pedro Souza / Atlético


E o Galo segue sua ascensão rumo ao topo do brasileirão. Após novo resultado positivo, desta vez no clássico contra o América, emplacamos a 4ª vitória consecutiva. Utilizando um time misto, o alvinegro passou muitas  dificuldades durante o jogo, e por pouco não viu o coelho abrir o placar.  Em um primeiro tempo de amplo domínio americano, o Galo mostrou muita desorganização em campo, dando espaços e expondo séria fragilidade defensiva. Com a entrada de titulares, principalmente de Hulk, o time mostrou reação e dominou a partida, chegando a vitória em bela jogada definida por Dylan Borrero. Mas como dizem, vitória é vitória, e  o que importa são os 3 pontos. No sábado teremos o Corinthians pela frente, provavelmente com time misto, e a certeza de fortes emoções. Tenho minhas restrições quanto à utilização de time misto, pois não acho que tenhamos que privilegiar campeonato algum. São exatamente nessas situações que deixamos o campeonato brasileiro pelo caminho.

Mudando a chave para a Libertadores, na última terça-feira tivemos o confronto contra o Boca Juniors pelas oitavas de final. Em partida tensa, começamos muito bem, dominando amplamente até os 30 minutos de jogo. Após um vacilo de todo o sistema defensivo, o Galo viu o Boca chegar ao gol, que felizmente foi anulado pelo VAR. E olha, isso tem sido uma constante nas partidas onde o sistema defensivo se mostra frágil, e acabamos oscilando muito nos jogos. Essa oscilação foi novamente vista no segundo tempo, alternando momentos bons e ruins, mas o time conseguiu segurar o empate e trazer a decisão para BH. No frigir dos ovos foi um bom resultado, já que se tratava de um confronto contra um dos mais tradicionais clubes sul americanos, em plena La Bombonera.

Destaque positivo para Mariano, que tem jogado demais, sendo um ponto forte da equipe. Hulk e Savarino, destaques das últimas partidas, foram muito marcados, e não estiveram tão bem. Agora é vencer ou vencer na próxima terça-feira, já que qualquer empate com gols da a classificação aos argentinos. É ir para cima e buscar essa classificação, na alma e na raça, bem ao estilo atleticano. Eu acredito.

VAMOS VAMOS MEU GALOOOO!

LEIA TAMBÉM:

Setor de Eventos: Liberação Tardia e Ineficaz

Value x Growth: Qual a melhor filosofia de investimento?

A Importância do pai para o sucesso da amamentação e introdução alimentar

Julho Turquesa: campanha de prevenção da Síndrome do Olho Seco

Coluna Squadra Celeste: Ou lá ou cá

Série “Brasil com S” da Cervejaria Colorado chega a sua 15º Edição

Seis segredos para uma vida saudável

Alma Alvinegra: Oscilando sim, mas vemos um Galo cascudo!

Ideologia de gênero - A covardia contra nossas crianças

Como curar um Fanático