Quando usar QUENTE ou FRIO em uma lesão

O frio e o calor em uma lesão controlam a dor e o processo inflamatório, mas é necessário ter claro qual e quando aplicar a cada lesão.

Quando usar QUENTE ou FRIO em uma lesão

É verdade que a crioterapia (aplicação de frio) ou termoterapia (aplicação de calor) em uma lesão são técnicas muito antigas, mas muito eficazes, que, levando em consideração o tipo de lesão, podem nos ajudar no processo de recuperação evitando o uso desnecessário de medicamentos.

O frio e o calor em uma lesão controlam a dor e o processo inflamatório, mas é necessário ter claro qual e quando aplicar a cada lesão, um fator importante a levar em consideração é o tempo que ocorreu a lesão.

Quando e como aplicamos calor?

O calor tem um efeito analgésico, relaxante, vasodilatador (aumenta a circulação sanguínea) e aumenta a flexibilidade muscular, por isso aplicamos ele em caso de contraturas musculares, problemas articulares, rigidez ...

A forma recomendada para sua aplicação seria de 3 a 4 vezes ao dia, no máximo 20 minutos cada vez, caso contrário o efeito que vamos causar será o oposto do que queremos alcançar.

E o frio?

O frio tem efeito analgésico, antiinflamatório, vasoconstritor (reduz o fluxo sanguíneo na região) e reduz o espasmo muscular na sua forma mais aguda, portanto, no momento em que ocorrer a lesão colocaremos gelo, para que chegue menos suprimento de sangue para a área lesionada e o frio seja capaz de interromper a inflamação e controlar o edema (inchaço). 

Por isso aplicamos nas primeiras 48-72 horas de qualquer lesão e em casos de traumas, entorses, rupturas musculares, tendinites, capsulites, cãibras, depois de um grande esforço físico ... Cuidado, o frio também queima, devemos sempre proteger a pele antes da sua aplicação.

Quando usar quente e frio?

Uma forma interessante de diminuir o edema em algumas lesões são os banhos de contraste quente e frio, pois é assim que brincamos com a vasodilatação e a vasoconstrição na região.  Fazemos da seguinte forma: 3 minutos de calor, seguido de 1 minuto de frio durante 15 minutos, iniciando com o calor e terminando com frio.  Também o aplicaremos 3 vezes ao dia.

Vale lembrar que buscar orientação e ajuda de um profissional capacitado é fundamental para garantir o sucesso do processo de recuperação de qualquer lesão.